Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

de 8
ver todos

Restaurante A Muralha (ApertAzeite)

de 8
ver todos

O Restaurante ApertaAzeite passou a funcionar nas instalações do Hotel Santa Beatriz, adotando o nome do espaço gastronómico aí existente - A Muralha. Com cozinha cuidada e serviço eficiente, tem uma decoração alusiva ao azeite, com prensas, maquinaria e artefactos da oleicultura. É um restaurante regional, mas desengane-se se pensa encontrar exclusivamente comida alentejana, porque a grande aposta deste restaurante é justamente a diversidade, podendo também apreciar especialidades de outras regiões do país e do mundo.

Acessos para deficientes: Sim
Bar/Sala de espera: Bar
Dia(s) de Encerramento: Segundas
Especialidades: Entradas: Moelas e calamares; Ovos mexidos com farinheira; Presunto Pata Negra; Migas com espargos; Amêijoas à Bulhão Pato; Salada juliana de salmão; Açorda alentejana com amêijoas à Bulhão Pato; Tábua de queijos. Sopas: Sopa de tomate; Açorda alentejana. Peixe: Bacalhau dourado; Cação de coentrada; Bacalhau assado;Bacalhau dourado. Carne: Lombinho de porco preto; Costeletas de borrego grelhadas ou panadas; Migas à alentejana; Bife do lombo; Miminho de novilho à pedra de sal; Febras do cachaço de porco preto;Tagliarinni com marisco; Caril de camarão á Oriental; Doces: Sericaia; Bolo de amêndoa e chila; Pudim flan; Baba de camelo; Mousse de chocolate.
Estacionamento: Sim
Horário de Encerramento: 23:00
Lotação: 190
Necessidade de reserva: Aconselhável.
Observações: CLASSIFICAÇÃO SERVIÇO VINHO A COPO VINIPORTUGAL (1-5): 4,6
Preço Médio: 25.00
Tipo de Restaurante: Portuguesa, Esplanada, Alentejana
Horário de Funcionamento: Das 12:30h às 15:30h e das 19:30h às 23:00hd
Acessibilidade de deficientes motores: Acessibilidade fácil
Área para fumadores: Zona Fumadores + Zona Não Fumadores
Morada: Rua dos Combatentes da Grande Guerra Hotel Santa Beatriz
Código Postal: 7370 CAMPO MAIOR
Tel: 268699090
Site: www.facebook.com/pages/Restaurante-Apertazeite/186032394757930
Distrito: Portalegre
Concelho: Campo Maior

Restaurante Apertazeite – Campo Maior


O pai, o filho e o Espírito Santo


Andreia Melo

Muito se falou sobre o azeite ao longo dos séculos. E se uns povos se renderam às suas propriedades terapêuticas, já outros entregaram-se ao seu aroma e sabor. Produto com características místicas, serve também para representar o Espírito Santo cristão. Actualmente, uma boa dieta mediterrânica não passa sem ele. E a gastronomia alentejana do Apertazeite também não…

O pai é Rui Nabeiro, o nome por detrás da empresa que, em Campo Maior, gere uma adega, vinhas, um hotel, restaurantes e negócios satélites. Mas é o seu filho, João Nabeiro, quem dá a cara pelo projecto Apertazeite. Este antigo lagar alentejano já vestiu vários uniformes nos últimos 14 anos – sede de clube recreativo, café concerto, discoteca – mas foi de avental que viu a sua fama (e proveito) crescer, sempre sem esquecer as suas raízes. À porta do restaurante, uma mó anuncia que está no sítio certo.

A Oriente de Campo Maior

A carta tem um conceito, apesar da profusão de sabores que nela se reúnem, dos ambientes já não se pode dizer o mesmo. O restaurante tem quatro espaços diferentes. À entrada cruzam-se as culturas ocidental e oriental. Se a configuração do espaço nos é familiar, com mesas rectangulares colocadas em paralelo umas com as outras, os motivos que o decoram transportam-nos para paragens distantes. Impera a simplicidade neste primeiro espaço, por contraste ao segundo, onde o requinte já se senta à mesa.

De um lado superfícies espelhadas, de outro paredes rugosas pintadas em tons de vermelho. Assim se recebem os comensais nesta segunda sala. Junto às mesas, um antigo um moinho de azeitonas testemunha o passado desta casa e co-habita com aparadores clássicos e peças de cerâmica japonesas para criar um ambiente entre o cosmopolita e o kitsch.

2011-07-27
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida