Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

Feira Nacional do Cavalo

Esta feira teve início em meados do século XVIII, com a designação de Feira de São Martinho, mas depois de 1972 passou a chamar-se Feira Nacional do Cavalo. Já nesta altura o certame tinha ultrapassado a simples importância regional e reforçara a importância do cavalo lusitano. De facto, é na Feira da Golegã que este animal mostra todas as suas capacidades, quer nas sessões de exibição realizadas durante o certame, quer nos jogos equestres, nos raids, nos campeonatos, na maratona de carruagens, nos saltos de obstáculo e nas corridas. O ponto mais alto desta festa, realizada em Novembro, é o concurso nacional de apresentação do cavalo de sela, onde é atribuído o troféu de campeão. No final, realiza-se o desfile dos garanhões que perpetuam as qualidades do cavalo lusitano.Esta é também uma feira de vaidades, com muitos ribatejanos a exibirem os seus chapéus de penas e trajes de montar. Devido a este facto foi recuperado o Baile da Jaqueta, que exige o traje de equitação à portuguesa ou o fato escuro. Para além dos aspectos ligados directamente ao cavalo e à arte de cavalgar, a feira tem também uma vertente comercial, como a venda dos mais diversos objectos e o negócio dos comes e bebes.

Data e Periodicidade: Início de Novembro / Anual
Título: A grande celebração do cavalo
Código Postal: 2150 GOLEGÃ
Site: www.horsefairlusitano.org
Distrito: Santarém
Concelho: Golegã
Freguesia: Golegã
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida