Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

242º

de 1010
ver todos

Restaurante Adega Machado

242º

de 1010
ver todos

Restaurante típico fundado em 1937 por Armando Machado e sua mulher, a fadista Maria de Lourdes Machado. A Adega Machado, uma das mais conhecidas casas de fado do Bairro Alto, reabriu no verão de 2012 com nova gerência, decoração contemporânea e novos espaços de animação. O fado e a gastronomia tradicional portuguesa continuam a ser o principal mote desta casa. A mítica casa de fados da Rua do Norte, reabriu com três espaços distintos: uma sala principal com 75 lugares sentados e serviço à carta, uma adega moderna, com capacidade para 30 pessoas e serviço de vinho copo e petiscos gourmet, e ainda um terraço ao ar livre. Tanto a adega como o terraço podem ser reservados para grupos e eventos, incluindo pequenas apresentações de Fado.

Acessos: Autocarro: 58. Eléctrico: 28. Metro: Baixa-Chiado.
Ambiente e decoração: decoração contemporânea com exposição de imagens antigas que ilustram a longa história da casa.
Bar/Sala de espera: Sim
Dia(s) de Encerramento: Não encerra
Dias de Fado e Artistas: Todos os dias
Especialidades: ENTRADAS Croquete de Marisco com Arroz de Tomate Polvo assado, Esmagada de Batata-doce, Natas Azedas e Coentros PEIXES Caldeirada de Camarão Atum com molho de Natas, Piripíri e Lima, Batatas Fritas Lombinhos de Bacalhau Seco braseado CARNES Pastel de Massa Tenra e Vitela com Arroz de Grelos Lombinho de Porco Preto com Crosta de Broa e Ervas Bife de Vaca dos Açores (DOP) com Molho de Queijo da Serra da Estrela (DOP) SOBREMESAS Mil Folhas de Sericaia (mousse de canela, macaron recheado com compota de ameixa preta, streusel, puré de frutos do bosque) Sopa de Cavalo Cansado (seca) (uvas maceradas em calda de Vinho do Porto branco e tomilho-limão, crumble de grão de bico, gelado de Vinho do Porto tinto)
História: Casa inaugurada em 1936.
Horário de Encerramento: 02:00
Lotação: 110
Necessidade de reserva: Aconselhável
Observações: Pode-se fumar no terraço. Existem 3 parques de estacionamento próximos (Largo, Misericórdia, Camões). Lotação por salas: 110 (Sala Principal) + 44 (Sala da Fadistagem) + 30 (Terraço).
Preço Médio: 75.00
Serviços: Ar condicionado; Terraço
Área para fumadores: Não Fumadores
Morada: Rua do Norte 91
Código Postal: 1200 284 LISBOA
Tel: 213422282
E-mail: adegamachado@adegamachado.pt
Site: www.adegamachado.pt
Distrito: Lisboa
Concelho: Lisboa
Freguesia: Encarnação

Adega Machado – Lisboa


O bom fado à casa torna


Paula Oliveira Silva

Desde julho do ano passado que voltaram a ouvir-se fados e guitarradas na Adega Machado, enraizada no coração do Bairro Alto lisboeta. A histórica casa de fados completa este ano 76 aniversários e reabriu com nova gerência após três anos de intensas obras que a tornaram mais moderna, adjetivo que se estende também à filosofia da cozinha e ao próprio elenco de jovens mas talentosos músicos. No exterior a fachada revestida a azulejos com motivos folclóricos e populares do artista plástico Thomaz de Mello é inconfundível. Lá dentro estão adeptos do fado oriundos de todo o mundo.

Olhai, senhores, esta Lisboa d'outras eras

A história desta embaixada da canção nacional começou na verdade em Paris. Corria o ano de 1937 quando, do alto da Torre Eiffel um companheiro de Armando Machado lhe lançava o desafio de abrir uma casa de fados em Lisboa. Cumprido com sucesso o objetivo da viagem, um espetáculo de fado à rainha consorte D. Amélia de Orleães e Bragança, exilada em França, foi arregaçar mãos à obra e nesse mesmo ano, nascia o Barrete Verde, atual Adega Machado.

A Armando e Maria de Lurdes, o casal fundador, o fado não lhes era desconhecido. Ele compunha e tocava viola e mesmo sem saber escrever uma pauta concebeu músicas ainda hoje entoadas, tal como o Fado Lourdes e o célebre Bolero da Fronteira. Ela, cantadeira, deixou para trás a música para abraçar com sucesso a gestão da casa de petiscos e o nascimento dos cinco filhos.

Ao longo dos anos foi passando pela Adega Machado a nata do fado em noites de convívio e boémia. Chamemos à baila Mariza que aqui teve o seu primeiro palco profissional e de tempos mais antigos Marceneiro, que na Adega Machado teve o seu último local de trabalho e Amália, uma cliente assídua, de quem se diz que os almoços aqui terminavam às seis da manhã…

Os livros de honra registam visitas célebres como o Conde de Barcelona, D. Juan de Bourbon, o rei Humberto II de Savoia, o presidente Itamar Franco do Brasil e o ator norte-americano Kirk Douglas, só para citar alguns.

O Fado de Cada Um

O peso da tradição não se perdeu nem com as obras, nem com a mudança de gerência a cargo do grupo Fado & Food que também detém o Café Luso no Bairro Alto e o Timpanas, em Alcântara.


Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida