Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

de 22
ver todos

Restaurante da Adega Quinta do Encontro

de 22
ver todos
Acessos para deficientes: Sim

Na moderna adega da Quinta do Encontro, encontramos no piso térreo uma pequena sala de estar e de jantar. Com uma decoração intimista, os vinhos são o prato principal, acompanhados por uma gastronomia tão regional como vanguardista, onde não falta o tradicional leitão.

Bar/Sala de espera: Bar e Sala de Espera
Dia(s) de Encerramento: Segundas
Especialidades: Entradas: Carpaccio de polvo, Trouxa de camarão e cogumelos; Creme de abóbora com salada de laranja e salmão fumado. Peixe: Bacalhau confitado, Rodovalho com fava salteada; Bacalhau de cura amarela. Carne: Leitão assado; Magret de Pato. Sobremesas: Creme queimado de espumante, Creme de requeijão com infusão de Santar;
Estacionamento: Sim
Horário de Encerramento: 22:00
Lotação: 200
Necessidade de reserva: Aconselhável
Período de Férias: Aberto todo o ano
Preço Médio: 29.00
Recomendado para grupos: Sim
Sanitários para Deficientes: Sim
Tipo de Restaurante: Portuguesa
Horário de Funcionamento: Das 10h às 22h
Acessibilidade de deficientes motores: Acessibilidade fácil
Área para fumadores: Não Fumadores
Morada: Quinta do Encontro
Código Postal: 3780 179 SÃO LOURENÇO DO BAIRRO
Tel: 231527155
E-mail: daosul@daosul.com
Site: www.daosul.com
Distrito: Aveiro
Concelho: Anadia
Freguesia: São Lourenço do Bairro

Quinta do Encontro – Anadia


Combinação perfeita entre a tradição vitivinícola da Bairrada e a modernidade da arquitectura. Brindemos ao arrojo da Quinta do Encontro.


Paula Oliveira Silva

Servimo-nos de um edifício redondo de quatro pisos sem escadas para falar de um triângulo de boa gastronomia (restaurante), vinhos (loja) e serviço de visitas guiadas (adega). Parece-lhe demasiada geometria? Olhe que não...

Uma pitada de História

Na explicação do nome deste local está a tradição. Duas procissões juntam-se, por alturas da Páscoa, à entrada da propriedade e para celebrar a fé dos crentes foi inclusivamente levantado um cruzeiro na rotunda construída entretanto.

Quanto ao outro encontro, o dos vinhos, nada há que estranhar, afinal estamos em São Lourenço do Bairro, Anadia, coração da Bairrada. A sua história começa a ser contada em 2005, altura em que se iniciou a construção da adega que só haveria de abrir as portas cerca de três anos depois. Está actualmente disponível para visitas sem ser necessária reserva prévia (encerra apenas à segunda-feira). Um enoturismo à séria a pensar nos visitantes ocasionais que não vão a contar com esta descoberta...

Um mimo para a vista

Comecemos pelo que vêem os olhos: uma adega futurista, redonda, inspirada numa barrica de carvalho com a assinatura do jovem arquitecto Pedro Mateus, da Maia. Escadas não existem, as subidas e descidas - através de rampas - fazem-se curvilíneas, o que de certa forma nos lembra o movimento de um saca-rolhas.

À entrada, a loja de vinhos vende não só os rótulos da Bairrada - que vão desde os QdE até ao topo de gama Encontro 1 - mas também os néctares das outras regiões onde o grupo Dão Sul / Global Wines tem interesses: Dão, Douro, Alentejo e Brasil. A gama inclui vinhos brancos e tintos, espumantes, aguardentes, vinho do Porto e colheitas tardias. Grande parte destes está também disponível para consumo a copo.

As boas-vindas são, desde logo, materializadas num copo de espumante e se veio para experimentar o restaurante e não conhece o espaço é-lhe proposta uma visita guiada à adega, claro, mas também às diversas salas indicadas para todo o tipo de eventos, como provas de vinho.

O próximo passo poderá ser a sala com uma lareira a fazer lembrar uma garrafa, espécie de antecâmara do restaurante. Aqui se fica a saborear o vinho e a ler um pouco mais da literatura disponível sobre o tema.

2010-09-15
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida