de 88
ver todos

Pousada Castelo Alcácer do Sal - Historic Hotel

de 88
ver todos

Aderente IVAucher
Trata-se de uma Pousada Histórica Design. A Pousada D. Afonso II encontra-se edificada no Castelo de Alcácer do Sal. Aqui podemos testemunhar vestígios deixados por importantes culturas, tais como a Fenícia, a Árabe ou a Romana. Encontra-se envolvida por uma bonita paisagem que engloba o percurso do Rio Sado.

Acessos: A 59 km de Setúbal. A12, A2, IC1.
Estilo: Special Places
Localização: Cidade/Vila
Nº de camas: 70
Nº de quartos: 33
Nº de suites: 3
Observações: Organizam festivais medievais na antiga igreja para um mínimo de 40 pessoas.
Período de funcionamento: Todo o ano.
Acessibilidade de deficientes motores: Acessibilidade fácil
Serviços / Equipamentos: Acessos para deficientes, Aeroporto, Animais não admitidos, Ar condicionado em áreas comuns, Ar condicionado nos quartos, Bar, Barcos, Bicicletas, Cofre na recepção para guarda de valores, Cofre nos quartos para guarda de valores, Elevador, Estação de autocarros, Estação de comboios, Hospital / centro de saúde, Instalações para deficientes, Jardim, Lavandaria, Música ou rádio nos quartos, Parque de estacionamento, Pesca, Piscina exterior, Piscina infantil, Restaurante, Sala de reuniões / conferências, Sala de estar comum, Sala de festas, Sala de TV e/ou vídeo, Serviço de quartos, Telefone nos quartos, TV nos quartos, TV Satélite/TV Cabo
Morada: Castelo de Alcácer do Sal
Código Postal: 7580 197 ALCÁCER DO SAL
Tel: 265613070
E-mail: guest@pousadas.pt
Site: www.pousadas.pt/pt/hotel/pousada-alcacer?_ga=1.22188850.863714184.1491322926
Distrito: Setúbal
Concelho: Alcácer do Sal
Freguesia: Santiago

Pousada D. Afonso II - Alcácer do Sal


Venha conhecer uma das mais espantosas intervenções arquitectónicas no nosso património histórico. Aproveite e durma lá.


Paula Oliveira Silva

Se é quietude que procura seja muito bem-vindo à pousada histórica nascida do antigo Convento de Nossa Senhora de Ara Caeli e abrigada pelas muralhas do castelo árabe. Mesmo que lá fora esteja uma tempestade, aqui dentro reina a bonança.

Esqueça o som do crispar das espadas que poderia associar a uma fortaleza e concentre-se no silêncio que é mesmo de convento. Porém, fica já com um aviso. A ideia não foi reconstruir o espírito da época mas assumir o novo.

O antigo enlaçou o moderno com uma habilidade espantosa. As operações cirúrgicas ao interior e estéticas do exterior vieram reabilitar esta zona coberta de História. Teve este local ocupação antiga desde tempos que nem a memória histórica pode precisar com exactidão. Os trabalhos de investigação arqueológica nos subterrâneos da pousada mostram isso mesmo. E se espreitar pela cúpula ao centro do claustro imagina muito mais.

Este pode ser o ponto de partida para a exploração desta pousada baptizada com o nome de Afonso II. Se não tiver o sentido de orientação afinado vai “ver-se à nora”. Nada que não tenha solução. Perde-se duas ou três vezes e aprende a lição por conta própria. Quebra a monotonia e conhece “esconderijos” que não sabia existirem ainda que pensasse já conhecer todos os cantos à casa.

Reserve o elevador apenas para o peso da bagagem e ande pelo próprio pé. Irá descobrir becos e esquinas com alguma peça que lhe chame a atenção. Siga-nos a pista e procure na galeria do claustro pequenos oratórios com pinturas antigas e imagens sacras.

Escolha uma sala para descansar onde possa amarrar os olhos numa tapeçaria, quadro ou escultura e molhe a garganta no bar. Os que esqueceram o livro em casa, podem procurar leituras na sala dedicada ao tema. Sirva-se à vontade.

Se por acaso abrir alguma porta e deparar com a antiga igreja, entre que não vai interromper nenhuma missa. Actualmente a celebração é de outro cariz. É neste cenário que têm lugar os jantares medievais. Mas atenção que só se fazem para grupos e mediante marcação.

2004-01-20
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora