Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

de 13
ver todos

Restaurante Alabote

de 13
ver todos

Restaurante com amplas janelas rasgadas para o mar com serviço personalizado e ambiente agradável e confortável. Um bom poiso de cozinha regional com toque internacional. Magnífica vista do pôr do Sol.

Animação: Música ao vivo aos fins-de-semana.
Bar/Sala de espera: Bar e Sala de Espera
Dia(s) de Encerramento: Quartas
Especialidades: Entradas: Gambas ao alho; Lapas grelhadas; Morcela com ananás; Salada niçoise; Gambas à la Planche; Meloa com presunto. Sopas: Sopa de peixe. Peixe: Cataplana de cherne; Espetada de lulas; Bacalhau à João Porto; Arroz de marisco; Supremos de cherne suado; Cataplana à Alabote; Pargo grelhado à mordomo; Espadarte em papilote; Filetes de abrótea à Orly; Bacalhau à bote. Carne: Lombo de porco com ananás; Escalopes de perú Cordon Blue; Bife à micaelense; Arroz de pato; Bifinhos com cogumelos; Pato com laranja; Tornedó Rossini; Steak à Poivre; Escalopes de porco com caril e camarão; Frango em lanterna. Doces: Pudim de feijão; Colchão de noiva; Cheese cake; Mousse de chocolate caseira; Bavaroise de maracujá.
Estacionamento: Sim
Horário de Encerramento: 02:00
Observações: encerra à terça-feira
Preço Médio: 25.00
Recomendado para grupos: Sim
Serviços: Ar condicionado
Tipo de Restaurante: Portuguesa, Esplanada
Horário de Funcionamento: Das 12:00 às 02:00 com serviço de restaurante até às 22h30
Área para fumadores: Zona Fumadores + Zona Não Fumadores
Morada: Largo East Providence 68
Código Postal: 9600 524 RIBEIRA GRANDE
Tel: 296473516
E-mail: alabote@alabote.net
Site: www.alabote.net
Distrito: Ilha de São Miguel
Concelho: Ribeira Grande
Freguesia: Ribeira Grande (Matriz)

Restaurante Alabote – Ribeira Grande/Açores


Travessia de sabores


Nelson Jerónimo Rodrigues

O que começou por ser uma pequena esplanada é agora um espaço de referência na ilha de São Miguel, com uma gastronomia tão arrojada como a arquitectura do edifício. A cozinha continua genuinamente açoriana mas não esconde o toque internacional que este “bote de pedra” foi buscar além-mar.

Coincidência ou talvez não, a verdade é que a Ribeira Grande passou a virar-se definitivamente para o mar ao mesmo tempo que o Alabote abriu portas.

No início, em 1996, este espaço não era mais que uma pequena esplanada num local ermo e longe da vista dos turistas, mas o sucesso foi tal que deu lugar a um dos mais afamados restaurantes micaelenses.

À sua volta nasceu, entretanto, o Passeio Atlântico da cidade, local de eleição para locais e visitantes que, depois de darem uma caminhada junto ao oceano, acabam muitas vezes à mesa do Alabote.

Do negro do basalto ao azul do mar

Mais do que dar vida à frente marítima da Ribeira Grande, o Alabote trouxe também uma nova visão para uma cidade, graças a uma arquitectura moderna jamais vista por aquelas paragens.

Apesar do traço arrojado (para os padrões locais) o edifício não deixa de estar bem enquadrado na paisagem, sobretudo porque utiliza a típica pedra de basalto - ou de lavoura, como se chama por lá - extraída numa das pedreiras do concelho.

A cor negra deste material contrasta com o branco imaculado que predomina tanto na fachada como no interior, mas lá dentro surgem-se também alguns tons mais quentes, como o azul das toalhas ou o amarelo de uma parede em azulejos.

2011-08-18
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida