Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

de 1
ver todos

Serra da Freita

de 1
ver todos

Esta serra vizinha de Arouca e onde neva frequentemente faz parte do Maciço da Gralheira, excedendo alguns dos seus cumes os 1.000 metros. Situada entre as bacias do rio Arda (afluente do Douro) e a ribeira Teixeira (afluente do Vouga), tem a sua altitude máxima muito próximo do Pico de S. Pedro Velho, com 1077 metros. Do santuário da Nossa Senhora da Lage, com romaria em Agosto, avista-se magnífica paisagem. Aqui, junto a Albergaria da Serra, fica a famosa queda de água da Frecha da Mizarela, com 75 metros de desnível. Ocorre nesta serra um fenómeno de granitização raro no mundo inteiro, conhecido como "Pedras Parideiras". Pela Freita fora encontramos a secular Capela da Senhora da Laje, a Portela da Anta e algumas das aldeias típicas, como Castanheira, Cabreiros e Cando.

Actividades desportivas / lazer: Percursos pedestres sinalizados
Altitude (m): 1085
Título: Paraíso serrano
Código Postal: 4540 SANTA EULÁLIA ARC
Site: www.cm-arouca.pt
Distrito: Aveiro
Concelho: Arouca
Freguesia: Santa Eulália

7º Passeio Caixa Carbono Zero - Aventura na serra da Freita


Circuito da Frecha da Misarela


Rui Nogueira

Neste conjunto de passeios a pé, este é a grande excepção. Todos os outros, podendo ser mais ou menos longos, são acessíveis ao comum dos mortais e podem ser feitos em família. A única diferença entre um caminhante experimentado e um principiante residirá, apenas, no tempo que cada um levará a cumprir os itinerários propostos. Já este percurso na serra da Freita é exigente do ponto de vista físico e comporta algum risco, pelo que o aviso aqui fica.

Como se o trilho não fosse já suficientemente duro, os incêndios deste Verão vieram degradar o piso, sobretudo na escarpa da margem direita do rio Caima, por onde habitualmente se inicia o trajecto.

Basicamente, esta rota parte do miradouro na margem direita do rio Caima, com vista para a queda de água da Frecha da Misarela, desce a encosta até à aldeia de Ribeira, trepa pela escarpa contrária, dá uma volta pela cumeada e retorna ao ponto de partida. O trilho é, por vezes, muito acidentado, tendo havido o bom-senso de colocar protecções e correntes nalgumas das passagens mais complicadas. Resumindo: um trajecto para homens de barba dura... ou para mulheres que não mostrem medo aos anteriormente citados.

Região: Beira Litoral
Como chegar: Pela A1 até Santa Maria da Feira e desta cidade para Vale de Cambra pela EN227. A partir daqui seguir esta mesma estrada, direcção São Pedro do Sul mas derivando logo a seguir a Vale de Cambra para a serra da Freita. Depois da subida da vertente da Freita, no alto, seguir as indicações para a Frecha da Misarela
Local de início: Miradouro na aldeia de Misarela
Local de fim: O mesmo
Época aconselhada: Primavera e Outono; de Verão optar pela manhã ou pelo fim da tarde
Extensão: 6 km (desnível: quase 300 m)
Sinalização: Existente mas insuficiente nalguns locais (há correntes e protecções nas zonas mais complicadas)
Dificuldade: Alta (fortes desníveis, mau piso e passagens com obstáculos)
Carta 1/25.000 do IGE: 155

Cartão Caixa Carbono Zero: o cartão que enCaixa Natureza. Saiba mais.

A queda de água da Frecha da Misarela, na serra da Freita, é das maiores de Portugal. Depois de percorrer uma zona de planalto, o rio Caima, afluente do Vouga, despenha-se do alto de uma escarpa de 70 m de altura para o fundo do vale, criando um espectáculo natural inesquecível.

O objectivo deste percurso, correspondente a uma adaptação do percurso PR7 do município de Arouca «Nas Escarpas da Misarela», é descer ao nível da base da queda, transpor o Caima e subir pela escarpa contrária, com retorno ao ponto de partida.

A diferença relativamente ao folheto que pode obter no Posto de Turismo de Arouca ou no Parque de Campismo do Merujal (a 3 km do miradouro da Misarela) ou descarregar do sítio electrónico da Câmara de Arouca reside em dois pontos: sugestão de uma alternativa por asfalto na primeira parte da descida e eliminação da ligação miradouro-parque de campismo na parte final (que pode ser feita a pé ou de carro pelos interessados).

2010-10-06
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida