Quantcast
PORTUGAL FAZ-LHE BEM

20º

de 23
ver todos

Lapa Palace Spa

20º

de 23
ver todos

Localizado no topo de uma das sete colinas de Lisboa encontra-se o Lapa Palace Spa, o Spa do maravilhoso Lapa Palace, que convida ao relaxamento ao ritmo de um ambiente paradisíaco. Com um design contemporâneo, o Lapa Palace Spa providencia uma descontracção total, oferecendo uma grande variedade de tratamentos, como aromaterapia e hidroterapia, terapia com pedras, tratamentos Spa Jet, shiatsu e reflexologia. O empreendimento dispõe de piscina exterior e interior, ginásio de cardio-fitness totalmente equipado, sauna e banho turco.

Actividades desportivas: Ginásio, Hidro-ginástica.
Alojamento associado: Olissippo Lapa Palace *****
Horário de Funcionamento: Das 10h00 às 18h00.
Tratamentos disponíveis: Hidroterapia, terapia com pedras, tratamentos Spa Jet, shiatsu, reflexologia, aromaterapia, tratamentos faciais.
Terapêutica: Anti-celulite, Anti-stress, Tratamentos de beleza e bem estar
Acessibilidade de deficientes motores: Acessibilidade fácil
Morada: Rua do Pau da Bandeira 4
Código Postal: 1249 021 LISBOA
Tel: 213949494
E-mail: reservations@lapa-palace.com
Site: www.lapapalace.com
Distrito: Lisboa
Concelho: Lisboa
Freguesia: Prazeres

Lapa Wellness Centre


Evasão num dos mais luxuosos hotéis do país.


Paula Oliveira Silva

Começamos pelo fim, pela sensação de bem-estar e relaxamento após uma visita ao Wellness Centre do Hotel da Lapa onde passámos cerca de 4 horas de descanso, ou por outra, de trabalho.

Um spa é, nos dias que correm, um dos mais poderosos remédios no combate ao stress. No spa do Lapa Palace, um dos hotéis mais carismáticos de Lisboa, o design contemporâneo impõe-se num ambiente de requinte. Um luxo discreto que traduz na perfeição a evasão que aqui se espera, e se encontra.

Desejosos que o relógio avance bem devagar e já despidos das inquietações do dia-a-dia, a nova indumentária é composta pelo fato de banho, roupão turco e chinelos, estes últimos fornecidos pelo Wellness Centre. Depressa os pomos de parte até porque é no banho turco ou na sauna que começa a descontracção. O propósito é relaxar os músculos e aliviar a tensão acumulada, preparando ainda a pele para as massagens e tratamentos que seguirão.

Na piscina interior pode ainda usufruir das águas aquecidas para praticar um pouco de exercício ou simplesmente para se deixar estar. As espreguiçadeiras oferecem repouso potenciado pelos auscultadores com música relaxante em que fazem parte da banda sonora sons da Natureza. Não há conversa de vizinho de piscina que atrapalhe o sossego.

À disposição, chá preto frio, água com hortelã ou sumo de limão, todos estes líquidos visando efeitos de desintoxicação. É por estas e por outras aconselhável a presença cerca de uma hora antes da sessão.

Também cá encontra ginásio destinado ao treino cardio-muscular. Nós, porém, seguimos para uma sala privada onde entrámos numa espécie de cápsula massajadora onde só a cabeça ficou de fora. Este tratamento responde pelo nome de Spa Jet e inclui na hidromassagem o aroma e a cor que harmonizam ainda mais o momento, dando um “cheirinho” ao que se vai seguir. Uma vez mais os auscultadores podem ser uma preciosa companhia. Os próximos 25 minutos são passados a receber jactos de água a diferentes temperaturas que começam nos pés e passam sequencialmente por todo o corpo. Activa a circulação e descontrai.

Seja só para uma massagem ou para um programa completo, como foi o caso, quem aqui vem fica proibido de ter pressa. Por isso, entre um tratamento e outro, lá está à espera o cadeirão em pele abençoado por um painel de cromoterapia. É praticamente deitados que recebemos a massagem que contempla todo o corpo, desde o pescoço até às pernas.

Mas ainda faltava a massagem de aromoterapia à base de óleos essenciais que começa pelos pés e termina na zona do pescoço. São movimentos suaves e ora lentos, ora mais pausados, que contribuem também para apaziguar a parte emocional. Desperta o corpo, restaura o seu equilíbrio e ameniza a mente. No final, mais alguns minutos na companhia de uma luz ténue e quase adormecemos.

2005-04-05
Seja o primeiro a avaliar
Receba as melhores oportunidades no seu e-mail
Registe-se agora

Boa
Vida